Na minha vida não tem como recordar algum momento e não ter uma trilha sonora, já que música sempre foi parte integrante, assim como era certo que iríamos comer na hora do almoço era certo que em algum momento (geralmente vários) uma música iria tocar. Devido a isso, quando puxocontinue lendo →

Veridiana SerpaVeri Serpa é brasileira, mãe, esposa, Bacharel em Turismo, produtora multimída, escritora, cineasta, designer de acessórios, editora desse blog e dos blogs: Geek ChiC, Brazilians Abroad, e das fanpages Passei dos 30, Geek ChiC, Brazilians Abroad, Firma Produções, Moms Santo André, Vila Pires – Santo André e Mães decontinue lendo →

Felizmente tenho irmãos, digo isso porque ter irmãos me preparou para a vida, me ensinou a respeitar as diferenças, a saber que eu não sou única, que o mundo não gira em torno do que eu quero, do que eu gosto, principalmente que muitas vezes ao querer algo, devo levarcontinue lendo →

Como tem gente que vive em um mundo a parte, em uma realidade “paralela”, em Hollywood mais do que em que qualquer lugar do mundo, sendo que em qualquer lugar do mundo tem o seleto grupo dos abastados monetariamente com o costume de dizer em qualquer ocasião em que achamcontinue lendo →

“Se gritar pega ladrão Não fica um meu irmão Se gritar pega ladrão Não fica um ” (Originais do Samba) Ultimamente a coisa está “braba”, toda hora na caixa de emails vem aquele batalhão de spams, vários de como fazer para o pênis crescer, no final quem está satisfeito comcontinue lendo →

Aqui no Rio de Janeiro acontecem várias coisas bizarras, pelo menos no meu ponto de vista, e uma delas são as obras do metrô e o metrô na superfície. Digo isso porque em 87 quando eu estudava em Ipanema, a Praça Nossa Sra. da Paz ficou um tempão interditada devidocontinue lendo →