#dicaboa: Introdução a montagem de um home theater

O cinema é considerado como a sétima arte e com a explosão dos programas de TV e outras formas de entretenimento que usam o vídeo, assim como videogames entre outros, surge à necessidade de um espaço dedicado a essa atividade.

O Home Theather é exatamente isso, um espaço que possui equipamentos para a exibição e até mesmo a interação com essas mídias. Igual a uma impressão digital, um home theather possui características únicas que váriam de acordo com o ambiente, equipamento, mobiliário e orçamento.

Uma configuração básica pode ser descrita como uma combinação de uma tela de vídeo, um tocador de DVD, um receiver de vídeo e áudio, caixas de som e um estabilizador de voltagem.

Para atender necessidades básicas é aconselhável a escolha de um home-theather-in-a-box que combina a funcionalidade de vários elementos em um único equipamento. Já vem com as caixas de som que são dimensionadas para a amplificação do receiver que opcionalmente pode aceitar outras fontes de vídeo e áudio.

A instalação de um home-theather-in-a-box é simples e basta seguir o manual de instalação. Muitas vezes o seu custo é menor e alguns modelos oferecem caixas de som traseiras sem fio o que facilita e dá um melhor acabamento ao sistema.

Em uma configuração intermediária ou avançada se você deseja atingir o melhor desempenho do sistema é importante a opinião de um profissional da área na escolha dos equipamentos que se adéquam a necessidade da instalação.  Muitas lojas oferecem instalação profissional e o usuário apenas decide sobre qual tipo de mobília os gadgets serão instalados.

Tudo começa com o ambiente, as dimensões e disposição do espaço irão determinar o tipo de equipamento e acessórios para atender a necessidade específica do mesmo. É muito importante considerar a distância em que as pessoas ficam da tela para determinar o seu tamanho adequado.

Para se obter uma boa imersão é fundamental um som adequado ao seu ambiente que possui certas propriedades acústicas de acordo com o acabamento do piso e paredes. Um dos padrões mais usados é o 5.1 onde existe uma combinação de caixas de som sendo uma caixa de som central para as vozes, esquerda e direita frontal e traseira que dão a ambientação em 3D e um subwofer que gera os graves.

Para o acabamento é muito provável que seja necessária uma obra que deve ser feita antes da instalação do equipamento para passar conduites para os cabos das caixas que devem ser usados apenas para eles e não aproveitar conduites onde existam cabos de energia que podem causar interferência.

Segue uma lista para ajudar no seu projeto de home theather:

  • Ambiente
    • Dimensões e posicionamento da tela em relação aos espectadores determinam qual o tamanho ideal da sua tela
    • Iluminação pode influenciar a compra de determinada tecnologia para a tela.
    • Conduites dedicados para os cabos de áudio das caixas para prevenção de interferência
    • Piso e paredes criam a dinâmica acústica do ambiente e devem ser levadas em consideração
    • Condicionamento de ar do ambiente é necessário dependendo das condições climáticas do local e o número de equipamentos em um ambiente
    • Mobiliário
      • Gabinete aberto ou fechado para os equipamentos, deve se levar em consideração a ventilação para preservar os mesmo.
      • Apoios, Stands e outros acessórios para a fixação de Monitores e caixas de som.
      • Carpetes e cortinas podem ser usados para amenizar ecos
      • Equipamentos
        • TV, Monitor ou Tela (CRT, LCD, PLASMA, LED, DLP, Projetor e outros)
        • Fontes de Vídeo (Tocador de DVD, Blu Ray, TV a Cabo, Vídeo Games e outros)
        • Receptor de Vídeo com capacidade de som surround (5.1, 6.1, 7.1 e outros)
        • Caixas de Som (Central, SubWofer, Satélites)
        • Cabos e Conectores (Diversos)
        • Estabilizador de Voltagem (Protetores de Surto, No-breaks e outros)
Curta nossa página 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Follow by Email
Pinterest
LinkedIn