Na vitrola lá de casa: Ivan Lins – Madalena

Ê Madalena
O meu peito percebeu
Que o mar é uma gota
Comparado ao pranto meu

Fique certa
Quando o nosso amor desperta
Logo o sol se desespera
E se esconde lá na serra

Ê Madalena
O que é meu não se divide
Nem tao pouco se admite
Quem do nosso amor duvide

Até a lua
Se arrisca no palpite
Que o nosso amor existe
Forte ou fraco
Alegre ou triste

Curta nossa página 😉

5 thoughts on “Na vitrola lá de casa: Ivan Lins – Madalena

  1. Arrepiou!!!
    Ivan Lins e Joao Bosco…Maravilha…Me recordei dos melhores anos da minha vida.
    Obrigada por este momento magico!
    Bjs

    meire

    Meire fico feliz de ter alegrado seu dia com uma música que alegrava muitos dias da minha infância… bjs

  2. muito bom, simplesmente maravilhoso!
    bjs

    Oi Nina, acabei de passar no seu espaço e já adicionei ao meu google reader. Gosto muito tb dos dois. bjs

  3. Amo Ivan Lins, ele tem músicas fantásticas pena q a mídia não dá o devido valor q ele merece.
    Big Beijos

    Eu tb gosto muito, e concordo com a Lulu, a mídia não dá o devido valor que ele merece, os shows dele em NY lotam e não é ápenas com brasileiros… bjs

  4. Veri, desculpe a mensagem colada, mas é por uma boa cauda.

    Viemos aqui para te convidar para uma blogagem coletiva com o titulo:

    O que voce pode fazer para acabar com o analfabetismo no Brasil?

    Que acontecerá no próximo dia 18 de abril, dia Nacional do livro.

    O post convocatoria você pode ler no blog da Georgia (
    http://saia-justa-georgia.blogspot.com/) e no blog da Meiroca ( http://www.meiroca.com).
    Caso voce tenha algo a dizer a respeito, deixe um comentário no blog

    Georgiaou da Meiroca , para que possamos te incluir.
    Participe e divulgue em seu blog.

    Meire e Georgia

    Oi Queridas, vou anunciar, geralmente anuncio duas semanas antes da blogagem , assim as pessoas não esquecem. bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Follow by Email
Pinterest
LinkedIn