Prestadores de serviço

Como vocês sabem, em março me mudei novamente, e desde a segunda quinzena de maio, minha casa está em obra, lógico que eu sabia que a obra iria levar um tempo, mas nos meus cálculos a essa altura do campeonato já estaria na metade, quase caminhando para o fim, fato que não ocorre.

A primeira dificuldade foi encontrar um pedreiro, reparei que ninguém gosta de recomendar pedreiros, mesmo tendo feito alguma reforma recentemente, mas acabou que uma amiga de uma tia acabou recomendando um pedreiro que havia sido recomendado a ela através de sua manicure, com o discurso que ele prestava serviços a sua família a cerca de 25 anos.

Ótimo, marcamos com o pedreiro, ele veio, conversou sobre sua experiência de mais de 25 anos, que o pai também foi pedreiro, inclusive que ele viu aos 11 anos de idade o pai cair de uma laje e falecer, todo aquele drama, na semana seguinte ele trouxe o orçamento e ok, você venceu, batata frita… então fizemos nossa parte, compramos o material que ele havia pedido e voilá … a obra foi iniciada.

O primeiro passo era aumentar o muro para poder instalar um portão automático, eis que a obra começa e no terceiro dia de obra, o pedreiro e seus contratados que deveriam remover a cerâmica do muro lateral para quando fosse erguido, colocarmos o mesmo tipo material no muro inteiro. Meu marido e eu estamos trabalhando, quando escutamos um BOOOMMMMMM!!!

Ao sairmos, nos deparamos com uma cena no mínimo bizarra, o pedreiro resolveu por conta própria que seria mais fácil demolir o muro e construir outro… enfim assim foi apenas o começo da obra.

Nesses três meses, já trocamos de pedreiros, já refizemos o muro, erguemos  a outra parte que seria necessária, além de contarmos com as chuvas, que tem semanas que nos atrapalham dia sim e o outro também, e assim nós vamos levando.

A empresa que instalou o portão foi outra recomendação, do tipo, “faz com fulano que é namorido da minha prima, é  praticamente família, blábláblá…”, e aí fulano vem, traz panfletinho com mais de 20 anos no mercado, álbum com fotos dos portões autmomáticos, tudo no esquema, parece que dessa vez acertamos…

Mero engano, fulano instala o portão de qualquer jeito, a empresa com mais de 20 no mercado, pelo que percebi consiste em nem meia dúzia de empregados, contando com uma secretária que serve apenas para anotar recados, não sabe dar nenhum tipo de informação, nem mesmo quando fulano irá aparecer na empresa.

Junto com a compra do portão vem um garantia de 1 ano, em um mês o portão já deu problema, liguei dezenas de vezes, fulano nunca responde, aí tenho que ligar para o meu primo beltrano, que é quase que primo de fulano para que fulano tome vergonha na cara e apareça, isso quando aparece.

Já resolvi, a melhor coisa, é chamar um bom empreiteiro, pagar mais caro, mas ter o serviço feito, porque prestadores de serviços que são indicações de conhecidos, já vi que não funciona, fora que durante esses meses de obra, já perdi inúmeros eventos que gostaria de ter participado, como:

  • Uma manhã de novidades no portfólio da Symantec – Shopping Eldorado (Agência Eldeman)
  • Evento NET – Casa Petra (In Press Porter Novelii – Ass. Imprensa da NET Serviços)
  • #SkinTime – Espaço SkinMax (SkinTime)
  • Preview Primavera-Verão 2009/2010 Renner – Casa Fasano (In-Finita)
  • Encontro da GVT com blogueiros – Hotel Hilton Morumbi (S2 Comunicação Integrada)
  • RoundTable com executivos da Dell – Novo escritório da Dell (Gaspar & Associados Comunicação Empresarial)
  • PhotoImage Brazil Lançamento Produtos Panasonic – Centro de Exposições Imigrantes (Gaspar & Associados Comunicação Empresarial)

Aos 30&Alguns, eis alguns dos motivos porque ando sumida, mas essa semana eu volto, mesmo tendo que ficar bastante tempo em casa, o que já estou acostumada, afinal trabalho em casa, faz falta poder sair a qualquer momento… that’s life!!!!

Curta nossa página 😉

9 thoughts on “Prestadores de serviço

  1. Veridiana,
    Pq vc não contratou um profissional habilitado, um arquiteto, para coordenar e se responsabilisar por tudo? Sairia mais barato e daria menos dor de cabeça!
    Bjo,
    Rodrigo (pois é, além de escritor, sou arquiteto.)

  2. Força Very Well!!
    Eu sei o quanto é difícil!! Te desejo toda sorte do mundo aí nesta sua nova empreitada!

  3. Querida, é a 1a vez q vc participa em loco de uma reforma na “sua casa”, e agora sabe o q a maioria dos pobres mortais passam ao tentarem fazer a tal reforma sem mão de obra especializada.
    Tbm já passei várias vezes por isso e agora parece q estou aprendendo, tem q ter arquiteto e um responsável pela obra.
    Não se desespere p/q no fim tudo acaba dando certo.
    bjinsss menina bonita!

  4. Veri menina… Obra é um problema!
    Uma vez precisei fazer obra na área de serviço de meu antigo apartamento, menina virou um caus! Os pedreiros abriram a área de serviço toda e falaram assim:amanhã voltamos! Guria… Fiquei 3 dias esperando eles voltar e chovia , parecia barro entrando cozinha , sala… tudo dentro de casa, quase surtei!
    Demorou tanto para ficar pronto, que coloquei na cabeça que nunca mais penso em fazer obra… Quero tudo prontinho kkkkkkkkkkkk
    Beijos e boa sorte 🙂

  5. AHAUAH, desculpa rir, mas quando é com os outros nós rimos né? Mas o muro no chão foi no mínimo tenso…

    Outro problema dessas indicações é que os caras trabalham por tempo. Aí sua obra acaba demorando mais do que deveria pra sair…

  6. Bruno, o pior na hora, não escrevi no texto, foi ver que demoliram o muro pro lado da casa da vizinha e conseguiram estourar um cano no corredor, sério, na hora fiquei p. da vida, mas agora pensando, parecia uma cena surreal com alguns patetas….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Follow by Email
Pinterest
LinkedIn