10 Dicas para Parar de Gastar Compulsivamente

Lendo o Digg me deparei com esse artigo que está publicado no blog Personal Finance Management Guide, “10 Easy Steps to STOP Shopping Addiction and Compulsive Spending“, basicamente 10 dicas para parar de gastar compulsivamente.

Devo admitir que eu não sou uma consumidora compulsiva, muitas vezes se eu não tiver um motivo certo para ir, por exemplo, ao shopping, nem me incomodo, não sou do tipo que tem que ver as novidades, provar um bando de roupas e sair com algumas sacolas.

Conheço um grande número de mulheres que o fazem, que compram quando estão com bastante dinheiro, compram quando estão com o dinheiro contado, compram quando estão sem dinheiro (cartão de crédito pode ser uma praga na vida de algumas pessoas) e continuam comprando quando a conta está estourada, devem mais que tudo, mas continuam comprando.

Então pensando em vocês, minhas amigas queridas, e também em você que está lendo e tem esse pequeno problema ou para aquela amiga sua que definitivamente compra até não poder mais, eis as dicas:

  1. Identifique uma “necessidade” de um “querer” – aprenda a reconhecer quando você necessita de algo e quando você simplesmente quer, deseja algo, dessa forma você estará controlando seus impulsos de gastar dinheiro com coisas que você realmente não necessita.Conhecendo pessoas que sofrem desse problema, digo mais: não entrem em nenhuma loja que está escrito promoção na porta, pois entram atraídas pela palavra e saem carregadas de coisas que nunca irão usar, mas que o preço estava bom. Vai entender?

  2. Se sabe que você tem problema, tente evitar lojas e shoppings – aqui a melhor maneira mesmo é EVITAR, dê a volta maior, mas não passe na porta, não entre, não visite um shopping, a não ser que seja extremamente necessário.Como já deu para notar, eu gosto de dar meus pitacos nas dicas dos outros, então utilizando o meu vasto conhecimento de mulheres que gastam compulsivamente, digo para correr até mesmo de caixas eletrônicos. Tenho uma amiga que entra no vermelho toda hora porque passa no caixa e faz empréstimos, ali na hora, ela e a máquina.

  3. Não caia no conto de que vai se dar bem – evite as promoções (eu já tinha avisado lá em cima) a menos que seja absolutamente necessário.Entendeu que é para sair de casa preparada para o que irá comprar? Então, mantenha-se focada e boa sorte.

  4. Programe um orçamento e mantenha-se nele – faça uma lista de quanto irá entrar de dinheiro durante o mês, tente separar 10% na poupança, faça uma lista das despesas, veja o que sobra e se sobra e pense muito bem o que irá fazer com esse dinheiro.

  5. Quando comprar presentes – lembre-se de perguntar ou tentar descobrir o que as pessoas desejam, além de receberem o presente que realmente querem, irá te ajudar a não ficar enchendo a cabeça de caraminhola, entendeu não é?

  6. Comece a anotar – anote tudo o que gasta no mês, isto ajudará a determinar onde gastar o seu dinheiro, assim você poderá ter uma noção mais real das suas metas financeiras.Eu faço isso já fazem alguns anos, tento anotar o máximo possível, no Brasil é mais difícil porque quase nunca os estabelecimentos dão a nota ao cliente na hora que a compra é efetuada, então junto as notas que consigo, tento sempre ter uma caneta na bolsa e vou anotando o que gasto em dinheiro, no final não tenho nem como dar desculpas que o meu dinheiro voou e eu nem sei onde foi parar, porque sei exatamente com o que gastei e às vezes posso até mesmo me dar uma chamada de atenção básica.

Tenta e depois fala o que você achou.

  1. Carregue uma lista de compras – tente planejar suas compras, quando for ao supermercado faça uma lista e compre apenas o que anotou. Tente deixar seus cartões de crédito em casa. Pague com dinheiro, cheque, ou um cartão de débito.Lista de supermercado é algo que eu ainda estou trabalhando, sempre faço, nem sempre levo, mas mesmo quando levo acabo comprando coisas a mais, o que posso fazer? Seguir o conselho número 7.
  2. Carregue uma lista de compras – tente planejar suas compras, quando for ao supermercado faça uma lista e compre apenas o que anotou. Tente deixar seus cartões de crédito em casa. Pague com dinheiro, cheque, ou um cartão de débito.Como eu sou bem preguiçosa, recomendo assistir um filme.

  3. Procure ajuda – peça a uma amiga ou parente a te lembrar a não gastar, dessa forma vai ser uma ajuda externa contra essa compulsão.
  4. Dê a você mesma um prêmio simbólico – após se esforçar por um mês ou dois, compre algo que vai fazê-la sentir-se bem. Não tem que ser caro (lembra-se de: você tem um orçamento seguir!).Não vai achando que essa dica é para depois de um mês você sair gastando igual uma louca desvairada, nada disso, o prêmio pode ser uma tarde no cinema com uma amiga(o), um jantar em um restaurante japonês (amo muito), enfim, algo que você irá curtir.

Aos 30&Alguns eu desejo a todas boa sorte nessa luta e sei que se esforçando você chega lá. É isso aí garota!

* publicado originalmente no Deusario

Curta nossa página 😉

8 thoughts on “10 Dicas para Parar de Gastar Compulsivamente

  1. Me ajudem eu gasto tudo q tenho…
    E quero gastar mais ainda eu acho q ja virou uma doença qdo vou ver ainda me falta as coisas..Ainda mais com roupa comprou e comprou e vejo q não tenho..O que faço??

  2. Tem pessoas que se entrar no inferno compra qualquer coisa na mão do coisa ruim. E não é fácil auxiliar, em especial, se a pessoa não reconhece que tem este mal.

  3. Muito legal este texto, Veridiana. Como estão as coisas? O que tem feito? Acredita que meu Renoir quebrou (macumbadamente) a tela interna sem quebrar a externa?
    Abração

  4. eu tenho problema serio em gastar,todos os dias tenho que comprar alguma coisa, sofro de transtorno compulsivo obsecivo e uma situação muito dificil.Faço tratamento mas ainda não fez efeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Follow by Email
Pinterest
LinkedIn