Curso de Pré-Natal: Partos

Continuando com o curso de pré-natal, a segunda aula foi em relação aos partos: normal e cesaria.

Particularmente achei bem interessante, pois acabei tirando várias dúvidas, e pude entender melhor o porque de não ter uma resposta pronta quando me perguntam se terei um parto normal ou farei cesaria.

Segundo o médico que deu a palestra, ambos os partos tem as suas valias:

Parto Normal: acontece normalmente, o sintoma principal no momento que chegou o momento do parto é o trabalho de parto, composto por
contrações, que são ímpar e a grávida de primeira viagem, quando tiver sentindo as contrações, irá saber.

O útero é um músculo e como todo músculo contrai e relaxa, na hora do trabalho de parto as contrações devem durar de 40 segundos a 1 minuto e a grávida tem que esperar ritmar para ligar para o médico, quando se tem uma contração no mínimo com a diferença indica acima.

O principal nessa hora é ter paciência, não entrar em desespero, e lembrar que o bebê demora para nascer, a vida real não é igual a novela quando em minutos a pessoa tem um bebê.

Para ter o parto normal é necessário a grávida querer, muitas vezes depende 50% das pacientes, pois muitas quando começam a sentir dor, pedem para fazer uma cesaria.

Como funciona: tem o  canal vaginal, o  colodo útero começa a dilatar, até sumir, a criança começa a descer,  entra no canal vaginal e vai colocando dentro da bacia os maiores diamêtros do corpo dentro dos maiores diamêtros da bacia, quando o rosto está para fora o médico ajuda a tirar o resto do corpo.

Vantagens do Parto Normal:

  • a recuperação é mais rápida, menor risco para a mãe que não tem que fazer cirurgia
  • o leite vem mais rápido, já que o leite leva 2-3 dias para sair, o que sai primeiro é o colostro.

Desvantagens do Parto Normal:

  • insegurança
  • medo da quebra do assoalho pélvico que só ocorre quando a mulher produz filhos em série
  • medo de achar que  um maior risco pro nenêm.

Parto Cesaria: na verdade é um atalho criado pelo médico para tirar a criança do útero. Tecnicamente existe o útero, colo do útero, canal da vagina e no parto normal o bebe faz um movimento que lembra a letra JOTA e sai pela frente, já na cesaria o médico faz um corte a nivel dos pelos pubianos até chegar no útero, enfia a mão dentro criando uma rampa, o auxiliar ajuda empurrando e a criança escorrega pelo braço do médico e sai pela frente. É uma cirurgia e abre em 7 camadas.

Vantagens da Cesaria:

  • riscos são basicamente os mesmos do parto normal
  • menor esforço do assoalho pélvico
  • mãe não tem trabalho, nem esforço


Desvantagens da Cesaria:

  • pós-operatorio – recuperação mais demorada e dolorida
  • cicatriz
  • maior risco para a mãe já que é uma cirurgia
  • maior tempo da recuperação

Algumas informações que achei interessante:

  • Se a bolsa estourar no final da gestação indica que chegou a hora, mas não precisa se desesperar porque o bebê não é um peixinho.
  • Pode acontecer da bolsa estourar sem ter tido contrações, mas geralmente primeiro vem as contrações e depois a bolsa estoura.
  • O tampão é uma espécie de rolha, catarrento e quando ele rompe, pode sair um pouco de sangue.
  • Parto induzido: indução pode ocorrer, depende do médico, ás vezes da porque a paciente já está com dilatação mas não está ritmada, o remédio conduz ou induz ao parto.
  • Todo parto deve ser um acordo entre o que a grávida quer e o que o médico oferece, tem médicos que não realizam parto normal, se a grávida quer realizar um parto normal, deve procurar outro médico.
  • Crianças 3 tamanhos > P (de 2500kg a 2800kg), M (de 2800kg a 3200kg) e G (de 3200kg a 3700kg). Abaixo de 3500kg é considerado PP e acima de 3700kg é GG. em ambos os casos será discutido com o médico os porquês do tamanho e os tipos de partos ideais.
  • Trabalho de parto é algo progressivo, tem sequência lógica, a dilatação vai ocorrendo, tem as curvações, a cada hora cresce 1cm a dilatação, aí o médico acompanhando pode ver o desenvolvimento do trabalho de parto, o habitual em uma primigesta é 6 horas, podendo durar até 12 horas.
  • Analgesia é opção do paciente.
  • A gravidez gemelar é “normal”, igual da gravidez de um único feto, até o sétimo mês, a partir daí começam as diferenças com as grávidas de um bebê só. A grávida gemelar tem que entrar em repouso antes.
  • Parto normal alguns médicos fazem um cortinho na região do períneo, entre a vagina e o ânus, para ampliar o canal de parto e prevenir que ocorra um rasgamento irregular durante a passagem do bebê na vagina e o nome é epsiotomia.
  • Quando a bolsa estoura a cor do líquido normalmente é branca, se for outra cor, tem que ver o que está ocorrendo.
  • Faz bem andar durante o trabalho de parto que está desenvolvendo corretamente.
  • Mulheres que não fazem exercício quando descobrem que estão grávidas querem fazer hidroginastica, etc, se não fazia nada, é melhor esperar passar as 12 primeiras semanas. Se já fazia, pode fazer exercício (caminhada, bicicleta, hidro, drenagem) para grávida até quase o parto.

Aos 30&alguns, como disse anteriormente, achei super válido fazer o curso de pré-natal, já que nos posts são apenas algumas partes do cursoque durou cerca de 1h 30min cada aula.

Curta nossa página 😉

3 thoughts on “Curso de Pré-Natal: Partos

  1. Pingback: Veridiana Serpa
  2. Olá Veridiana!
    Gravidinha sempre fica com aquela dúvida sobre o parto né? O melhor é esperar a hora H e ver no que dá mesmo. Eu queria ter feito parto normal, fazia yoga, caminhada, alimentação saudável e tals, mas na hora H, aliás, fora de hora, com 36 semanas, a minha boneca resolveu fazer arte na barriga e uma cesariana foi feita. Mas correu tudo bem e é isso o que importa, não é? Boa sorte na sua ‘ boa hora’. Beijos

  3. Oi Bianca, foi isso basicamente que a minha médica disse, que às vezes a gente programa e acha que vai fazer um tipo de parto e na hora H muda tudo, tanto mamães que acham que vão fazer cesaria e acabam tendo muita dilatação e o parto acaba sendo normal como o contrário, o importante é que tudo ocorra bem. Bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Follow by Email
Pinterest
LinkedIn