O homem vive vida normal com cérebro anormal

No dia 19/07, pesquisadores franceses informaram que um homem, casado, pai de duas crianças, trabalhador, conseguiu viver normalmente durante 44 anos, apesar de ter um cérebro minúsculo , causado por uma acumulação de fluídos no crânio.

Testes de inteligência mostraram QI de 75, abaixo da contagem média de 100, porém não considerado mentalmente retardado nem incapacitado. Segundo o Dr. Max Muenke, pediatra especilaista em defeitos do cérebro do National Human Genome Institute, “Se algo acontece muito lentamente durante algum tempo, talvez décadas, as diferentes partes do cérebro assumem funções que normalmente seriam feitas pela parte que foi empurrada”.

brain.jpg

O exame de Ressonância Magnética do cérebro mostrou uma câmara enorme cheia de fluido, chamada de ventrículo, ocupando a maior parte do seu crânio, deixando um pouco mais do que uma folha fina de tecido do cérebro. (imagem acima)

fonte: globeandmail.com

3 comentários

  1. Nossa!
    Isso me parece realmente incrível!
    Não consigo imaginar como isso pode ocorrer do posto de vista fisiológico.
    Na verdade estou passando mesmo pra deixar um beijo e o desejo de um bom domingo!

    Obrigada querido….bjs

  2. Descobriu-se depois que esta característica se reproduz em certas camadas políticas do Brasil.

    com certeza …

  3. BOA NOITE

    GOSTARIA DE SABER QUAIS AS CHANCES E QUAIS AS SEQUELAS DE UMA PESSOA QUE PERDE PRATICAMENTE 70% DO CEREBRO?? QUAIS AS CHANCES DE SOBREVIVENCIA? E QTO TEMPO DE VODA TEM UMA PESSOA DESSA??

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.