Será que crianças que são amamentadas se tornam mais inteligentes?

Recebi do meu marido, via email o link para o texto “Are Breastfed Kids Smarter?” e como desde que o Adriano nasceu já escrevi sobre o tema, achei interessante compartilhar a informação.

Segundo o Reuters, um novo estudo publicado no The Journal of Pediatrics, no Reino Unido, 12.000 crianças com 5 anos de idade tiveram o vocabulário, raciocínio e habilidades espaciais testadas e a conclusão foi que crianças que foram amamentadas por mais de alguns meses quando bebês se saíram melhor em todos os testes.

A diferença mais dramática dentro do grupo de estudo foi entre as crianças que nasceram prematuramente. Os prematuros que foram amamentados conseguiram acompanhar o desenvolvimento das crianças com a mesma idade que nasceram de 9 meses, diferentemente dos prematuros que não foram amamentados.

Apesar dos pesquisadores reconhecerem que as diferenças no desempenho das crianças que nasceram a termo era geralmente menor, eles apontam que as implicações encontradas sobre bebês prematuros são significativas, já que as crianças que começam em desvantagem, as lacunas tendem a ficar mais largas, em vez de mais estreitas à medida que envelhecem.

Embora alguns dos benefícios do aleitamento materno, tais como a resistência do sistema imunológico, os ácidos gordos essenciais no leite materno que ajudam no desenvolvimento das células cerebrais e de desenvolvimento, em particular, além das diferenças nos hormônios e fatores de crescimento que não faltam na fórmula, outro fator que os pesquisadores destacaram é que talvez crianças que são amamentadas são mais acalentadas o que pode dar algum tipo de vantagem para os bebês.

Atualmente o aleitamento materno é amplamente considerado a melhor prática, sendo assim muitas mães estão mais preocupadas em fazer o que é melhor para seus filhos e tentam amamentar e geralmente, essas são as mesmas pessoas que estão enviando seus filhos para a creche, pré-escola, lendo para eles, enfim dando uma maior atenção as necessidades dos filhos, então até quanto desse desenvolvimento pode ser atribuido única e exclusivamente a amamentação e o que deve ser atribuido a todos os fatores conjuntos?

Curta nossa página 😉

7 thoughts on “Será que crianças que são amamentadas se tornam mais inteligentes?

  1. Olha, eu não fui amamentada e fui escolhida a oradora da minha turma na “formatura” do prezinho/alfabetização, porque era a criança com a melhor leitura. Sou super favorável à amamentação,se eu tivesse um filho faria o possível para amamentá-lo, mas acho essas pesquisas quase uma violência contra as mães que não puderam amamentar. Elas já se culpam o suficiente, não precisam disso.

  2. Pingback: Rede Geral Perfis
  3. Pingback: Sylvia Cheleiro
  4. Os meninos daqui de casa, só amamentaram por 70 dias. Eles recusaram o peito, e logo secou. Não são burrinhos não! he he he he he

  5. Fui amamentada por 2 meses apenas e nem por isso fiquei menos desenvolvida por assim dizer. A vida toda tomei e tomo muito leite, não vivo sem. Mas concordo que para as mães que podem amamentar o benefício é dobrado: bebê vitaminado e acalentado, mãe com recuperação pós-parto acelerada e crescimento do vinculo mamãe-bebê…a natureza é sábia!!

  6. Eu também não fui amamentada durante muito tempo, também fui a oradora da minha turma na faculdade, acho na verdade que os estímulos em torno da criança influenciam muito mais do que se ela é amamentada no seio materno, de qualquer forma, amamento o Adriano no seio e também o estímulo a todo momento, além é claro de dar muito carinho.

  7. Como os textos do blog também vão pra minnha página no FB, notei que as mães por lá ficaram meio revoltadas, sendo que eu não afirmei nada, apenas informei o que li e no final fiz uma indagação…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Follow by Email
Pinterest
LinkedIn